Definição

Tabus estabelecidos e ainda aceitos pela população interferem na divulgação tanto dos novos conceitos como das terapêuticas que hoje têm sido aplicadas com sucesso no tratamento do mau hálito, ou como é conhecido cientificamente, da halitose. 
Halitose tem sido um problema para a humanidade desde o início dos tempos. Pesquisas mostram que cerca de 30% da população brasileira tem mau hálito.Com as mudanças de hábitos ditadas pela vida moderna, esse problema está cada vez mais presente.
Portanto, procure solução para o seu caso, pois halitose tem cura!

Definição Científica:
Halitose: alteração real ou imaginária do hálito que se manifesta como um sinal e/ou sintoma, decorrente de alterações fisiológicas, adaptativas, patológicas podendo ser de ordem senso-perceptivas gustativas e/ou olfativas. A halitose será um sinal quando houver presença de odorivetores ofensivos ao olfato humano, no fluxo expiratório. Será um sintoma, quando na ausência de odorivetores, o paciente se queixar de halitose. Halitose Definição
Vieira & Falcão (2005)

 

Aviso Importante: O objetivo destas páginas Web é facilitar a comunicação de informações odontológicas. Em nenhuma circunstância elas devem substituir a atenção por parte de um profissional da saúde.