Como é o tratamento

Periodontia - Como é o Tratamento Periodontal

Antes de iniciarmos o seu tratamento, você passará por uma avaliação com nossa higienista. Ela verificará a quantidade de placa bacteriana presente e lhe orientará sobre como controlá-la através de hábitos corretos de higienização como: escovação, uso do fio dental, limpeza de sua língua, etc, fundamentais para a manutenção de sua saúde periodontal.

Após a sessão com a higienista, será então iniciado seu tratamento. A gravidade de sua doença determinará o tipo de tratamento a ser seguido, assim como o número de consultas necessárias. Em casos de periodontites graves, a prescrição de antibióticos poderá se tornar necessária principalmente para pacientes diabéticos, cardiopatas, etc.

  • Limpeza superficial - raspagem e polimento

Estes procedimentos abrangem a remoção do "tártaro calcificado", particularmente atrás dos dentes anteriores inferiores e a remoção das manchas através do polimento com discos ou escovas rotatórios de borracha. Este último tratamento é aplicado principalmente por motivos estéticos.

  • Limpeza profunda - raspagem sob a margem gengival e alisamento radicular

Este procedimento é mais difícil e demorado. Muitos pacientes o acham desconfortável e preferem a aplicação de uma anestesia local. Dependendo da quantidade de tratamento necessário, várias consultas podem ser exigidas, para que se cuide apenas de alguns dentes de cada vez. Um paciente que tenha uma doença avançada, moderadamente generalizada, pode precisar de quatro a seis consultas de 30 a 45 minutos cada.

 

O dentista/higienista usa basicamente dois tipos de instrumentos:

    1. Instrumentos projetados para a raspagem manual;
    2. Instrumentos vibratórios - sondas finas que vibram em alta freqüência (geralmente ultra-sônica), resfriadas com jato de água.

O dentista pode aconselhar o uso de um colutório anti-séptico imediatamente após este procedimento.

Aproximadamente após 45 dias do término de seu tratamento, será marcada, uma nova consulta (a qual não será cobrada) para que seu tratamento periodontal seja reavaliado. Nesta consulta lhe será indicado a periodicidade dos retornos necessários para a manutenção de sua saúde, possíveis indicações cirúrgicas. A maioria das cirurgias são executadas sob a ação de uma anestesia local. Depois do dente e da gengiva estarem completamente insensíveis, é feita uma incisão para permitir que o tecido gengival seja elevado e afastado do dente. As partes inflamadas mais profundas do tecido gengival. são removidas e as superfícies radiculares dos dentes são completamente limpas com os mesmos tipos de instrumentos usados na raspagem e no alisamento radicular. Alguns ajustes podem ser feitos no formato da gengiva. Ela é então reposta ao redor do dente com suturas e, às vezes, com um cimento ou revestimento, e, consequentemente, ocorre o controle de sua doença periodontal.

 

 

 

Aviso Importante: O objetivo destas páginas Web é facilitar a comunicação de informações odontológicas. Em nenhuma circunstância elas devem substituir a atenção por parte de um profissional da saúde.